[Fotografias do corte 5, da exposição 'Estopim e segredo'] Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa.

Fundo: Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa

Título: [Fotografias do corte 5, da exposição 'Estopim e segredo']

Data e Local: 12 de fevereiro a 2 de março 2020, Rio de Janeiro, Brasil.

Espécie Documental: Fotografia

Condições de Acesso: Não Restrito

Crédito: Fotos: Gabi Carrera.

Cromia: COR

Formato: Pdf

Apoio / Realização: Ameav, secretaria de cultura e cidadania rio de janeiro, Furnas

Curador: Coordenação: Clarissa diniz, Gleyce kelly heitor, Ulisses carrilho.

Descrição de Conteúdo: Pro ritual ter força, precisa ser junte Depois de inúmeras versões, etapas e processos: nosso quinto corte. Surgimos fabulando uma gestação em espiral, proposta que remonta e acumula memórias que passaram. Um corte inconclusivo que vai ao ar e movimenta o tempo. Após três meses de segredo e estopim, o que é isso que se solta? Aqui nos referimos ao aspecto ritual da vida. Tanto cotidiano, urbano, rotineiro, quanto natural, selvagem, diaspórico. O ritual se caracteriza por uma brecha espaço-temporal, onde através do corpo em relação às materialidades, se gesta um estado de presença. A presença é convocada, pela ação, pelo sentir. Nossos trabalhos convocam corpos e corpas. Acionando outra temporalidade em nós, indócil e anti-civilizatória, em relação. Ressignificar ritos do dia-a-dia: dormir, sonhar, trabalhar, comer, descansar, observar, manifestar, respirar. O corte 5 é carne viva, lambe os fios, afia as fissuras, cria espaços. Convoca à ancestralidade cortante. Os públicos são bem-vindos a colocar máscaras, deitar-se na tenda-mar, mirar através das pedras, pelas pedras e com as pedras, apoiar-se em travesseiros para escutar sons, adentrar espaços de (con)vivência. Encontramos aqui estratégias de cuidado que materializam, através de imagens, sons, elementos e movimentos, demandas individuais e coletivas.

Participantes: daniel santiso, lorena pazzanese, sophia pinheiro e viviane laprovita

Biografia: ESTOPIM E SEGREDO é uma exposição coletiva proposta pela turma de 25 bolsistas do Programa de Formação e Deformação Gratuito – Emergência e Resistência. Como uma anti-conclusão, a mostra não desfecha o curso, mas o mantém em aberto através da invenção de outras formas de habitá-lo. Com uma abertura e um encerramento coletivos entremeados por cinco cortes durante os quais as cavalariças do Parque Lage serão ocupadas por pequenos grupos das artistas do programa, Estopim e segredo estende-se até março de 2020 em estado de contínua criação: desta vez ampliando as escutas e as trocas que fundaram os aprendizados do curso ao convocar, para este espaço-tempo de interlocução, os outros públicos da Escola e do Parque. Estende, assim, aos visitantes e participantes da exposição, algumas das perguntas que a conformaram: o que podemos aprender no exercício de expor? Pode uma exposição ser uma escola? Prorrogar o curso por meio de uma exposição em cinco cortes – e assim permanecer no Parque Lage – é um gesto político. Assentar, em um dos bairros de maior IDH (índice de desenvolvimento humano) do Rio de Janeiro, pessoas que historicamente apenas transitam por esse território é um desdobramento da campanha EAV para TODES. Organizada pelas integrantes dos cursos de formação de artistas ofertados gratuitamente pela Escola de Artes Visuais, o projeto mobilizou a própria instituição e a sociedade em prol do levantamento de fundos destinados à permanência dessas artistas em formação – ou seja, a garantir transporte e alimentação às participantes. Nesse esforço, endereçou publicamente a incontornável e inadiável necessidade de justiça social e de reparação histórica das assimetrias que constituem o Brasil e, como tal, a arte que aqui se faz e se legitima. Por isso, em seu processo de ocupação e de imantação do Parque Lage, Estopim e segredo reverbera algumas das nevrálgicas perguntas da EAV para TODES: como chegamos até aqui? E, fundamentalmente, como permanecemos neste lugar?

Documento: Original

Procedência / Forma de Aquisição: Legado

Setor / Local: Ensino

Número de Registro: BREAVSEC-0013

Analógico / Digital: Digital

Suporte: Eletrônico

Gestão: Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa

Série: Exposição

Subsérie: EAV

URI: http://acervo.memorialage.com.br/xmlui/handle/123456789/14628

Fotografia
Modos de visualização:
Navegação:
Ir à página: